Compre On-line!

Receba seu produto em casa, retire ou instale na loja mais próxima!

Voltar para Notícias

Novidades Maio 2017

Nacionais: AUDI A3 SEDAN – Reestilização

1. AUDI A3 SEDAN A versão top de linha do Audi A3 Sedan Nacional, a Ambition, ganhou cara nova. Disponível nas lojas da marca a partir de R$ 156.190,00. A configuração é a única equipada com motor 2.0 TFSI, deixando o 1.4 TFSI para as de entrada, reestilizadas em janeiro deste ano. As alterações visuais são quase as mesmas das demais versões, porém com mais sofisticação. Na dianteira, os faróis bi-xênon com LED ganharam recortes semelhantes aos do A4, enquanto o para-choque adotou elementos que remetem aos modelos da linha RS. Como opcionais, além das lanternas em LED, a Audi oferece quadro de instrumentos digitais, faróis Full LED com facho alto automático, sistema de estacionamento semi-autônomo, câmera de ré, piloto automático adaptativo e sistema que prevê possíveis colisões.
CITROEN AIRCROSS SALOMON – Nova Série 2. CITROEN AIRCROSS SALOMON Limitada a apenas 700 unidades, deste total 300 unidades contam com motor 1.5 flex e câmbio manual (R$ 63.435,00), enquanto as outras 400 têm motor 1.6 flex e câmbio automático de quatro marchas (R$ 68.515,00). Na prática, o Salomon passa a ser vendido como versão mais cara do Aircross com câmbio manual e a configuração intermediária entre as com motor 1.6 e câmbio automático. Por fora, os detalhes exclusivos desta configuração são apenas cosméticos, como revestimento cinza das capas dos retrovisores e das maçanetas, além das molduras do para-choque. Há, também, adesivos que remetem à versão próximos dos retrovisores externos e na tampa do porta-malas. As rodas são sempre de liga-leve de 16 polegadas e diamantadas.  De série, o Aircross Salomon conta com direção elétrica, suspensão elevada, rack de teto, retrovisores elétricos, computador de bordo e tela multimídia sensível ao toque de 7 polegadas. Entre suas funções, estão rádio AM e FM, GPS, Bluetooth, USB e entrada auxiliar. Também há conectividade com os sistemas Apple CarPlay e MirrorLink, mas não há Android Auto. O motor 1.5 flex gera 93 cv e 14,2 kgfm é acoplado a uma transmissão manual de cinco velocidades. Já o mais potente 1.6 entrega 122 cv de potência máxima e 16,4 kgfm e trabalha em conjunto com uma caixa automática pouco moderna, de apenas quatro velocidades.
VW UP – Reestilizado 3. VW UP O modelo subcompacto chega à linha 2018 com a nova linguagem global de estilo da marca além de trazer tecnologias e equipamentos inéditos no segmento. Faróis de neblina com luz de conversão estática (cornering light), sensores de chuva e de luminosidade (crepuscular) e suporte para celular estão entre os recursos exclusivos do novo Up. O painel foi renovado, o modelo recebeu um quadro de instrumentos maior, volante multifuncional de estilo global e iluminação de ambiente (recurso inédito na categoria). A mecânica segue a mesma com duas opções de motorização 1.0 de três cilindros: a MPI de até 82 cv (câmbio manual de cinco marchas ou transmissão automatizada I-Motion) e a TSI de até 105 cv (câmbio manual de cinco marchas). O conjunto ótico passa a contar com elementos internos. Já o para-choque está mais pronunciado, com ângulos ainda mais evidentes. A grade do radiador passa a contar com friso cromado e se conecta à linha que margeia os novos faróis (que trocaram os elementos internos redondos por hexagonais). As lanternas traseiras têm novo visual e são escurecidas, utilizando a tecnologia de tripla injeção (com elementos em vermelho, preto e transparente). Graças aos novos para-choques, o novo Up tem comprimento de 3,68 metros. Ou seja, 84 mm maior que o modelo anterior (ganho de 72 mm no balanço dianteiro, que passa a ser de 657 mm, e 12 mm no balanço traseiro, 611 mm). A partir de agora a carroceria 2 portas foi descontinuada e há 6 versões disponíveis no mercado resultado da combinação de 4 acabamentos: Take, Move, High e Cross e 2 motores: 1.0 MPI e 1.0 TSI além dos câmbios manual e automatizado, com preços variando de R$ 37.990,00 a R$ 55.600,00.
Internacionais: BMW SÉRIE 5 – 7ª Geração 4. BMW SERIE 5 A nova geração do sedã BMW Série 5 chega à rede de concessionárias BMW no Brasil. No tamanho, o modelo cresceu em todas as direções : o BMW tem agora 4,93 m de comprimento, 1,86 m de largura, 1,47 m de altura e 2,97 m de distância entre eixos. Disponível nas versões 530i R$ 314.950,00 e 540i R$ 399.950,00. A dianteira foi remodelada, com novos para-choques, luzes de neblina em LED e faróis em LED integrados ao duplo rim frontal, característico da marca, que cresceu e agregou uma câmera central para auxiliar na hora de estacionar e evitar colisões. A grade frontal traz ainda o sistema Active Air Stream, que controla a abertura e fechamento dos defletores de ar para melhorar a aerodinâmica e reduzir as emissões de CO2. A traseira foi redesenhada, com lanternas mais longas em full LED e escapamento duplo. Outros itens dessa versão são bancos dianteiros esportivos com ajustes elétricos e memória, ar-condicionado automático digital, serviços ConnectedDrive, sistema de Navegação Professional com informações do trânsito em tempo real, teto solar elétrico, transmissão automática esportiva com shift paddle, abertura e fechamento automático das portas e novo Parking Assistant, com câmera de ré e sensores de estacionamento dianteiro e traseiro. Já a versão M Sport top de linha (R$ 399.950) apresenta todos os itens da versão acima, oferecendo ainda rodas de liga leve M Double-spoke aro 19, faróis Full-LED adaptativos, sistema de som Surround 7.1 Harman Kardon, novos Driving e Parking Assistant Plus, Head-up Display e Night Vision com reconhecimento de pedestres, entre outros itens de conforto e conveniência.
CHEVROLET EQUINOX –  Lançamento 5. CHEVROLET EQUINOX.2 A Chevrolet declarou em Detroit que encara 2017 como o ano de renovação dos SUVs. Para o mercado brasileiro, isso implicará em novidades, mais especificamente no lançamento do Equinox como sucessor do veterano Captiva. O fabricante ainda não confirma oficialmente essa informação, mas pode apostar: ele virá! Produto global, a terceira geração do utilitário-esportivo médio deve ser produzida no México, de onde será enviada para o mercado brasileiro até o fim do ano. Sua plataforma é a mesma do novo Cruze. Seu preço inicial deve ser superior ao do Captiva, ou seja, acima de R$ 110 mil. O conjunto mecânico por aqui ainda é uma incógnita. Nos EUA, o Equinox tem três opções de motor quatro cilindros: 1.5 turbo de 172 cv e 2.0 turbo de 255 cv, ambos a gasolina, além do 1.6 turbodiesel de 138 cv. Todos eles são combinados com um câmbio automático de nove marchas. No Brasil, o mais cotado é o 2.0 de 250 cv, que tornará o SUV muito mais rápido e sem prejudicar o consumo devido a transmissão. O painel tem semelhanças com o do Cruze, com destaque para central multimídia MyLink, tendo uma versão básica de 7 polegadas e outra de 8. Ainda não há informações sobre o conteúdo do modelo que será vendido no Brasil. O que se sabe por enquanto é que ele será oferecido em uma única configuração top de linha.
MERCEDES GLC COUPE –  Lançamento 6. MERCEDES GLC COUPE A Mercedes foi pioneira dos SUVs entre as alemãs ao lançar o ML (hoje GLE), em 1997. Agora, que o segmento é o que mais bomba no mundo, a montadora quer recuperar o tempo perdido, e um bom exemplo disso é o GLC Coupe, que está estreando no Brasil. A grande diferença do GLC Coupe para o GLC SUV está na silhueta: no Coupe, a linha do teto tem caimento igual ao de um hatchback, enquanto no SUV ela é plana como em um jipe. Por conta disso, o Coupe é maior no comprimento. Ele mede 4,73 metros contra 4,66 metros do irmão SUV. Compartilham o conjunto do motor e transmissão que, no caso das configurações 250 4Matic oferecidas no Brasil, trata-se do motor 2.0 turbo, de 211 cv, e do câmbio automático de nove marchas, com tração 4x4. Os dois apresentaram desempenho idênticos. Nas acelerações de 0 a 100 km/h (7,9 segundos) e nas retomadas de 60 a 100 km/h (4,5 segundos). O GLC Coupe chega em uma única versão custando R$ 299.900,00. Em termos de equipamento, o Coupe possui sete airbags, faróis full led, bancos elétricos, teto solar, piloto automático, ar condicionado automático de duas zonas, retrovisores elétricos e rebatíveis com pisca em led, central multimídia e ESP, GPS, CD Player, rodas aro 20 e sistema de reparação dos pneus (sem estepe). Sensor de chuva e crepuscular. As lanternas em led se destacam na traseira.
VW GOLF –  Nova Geração 7. VW GOLF.2 Historicamente o Golf sempre teve evoluções conservadoras nas suas mudanças, e não é diferente com o modelo da geração 7.1. A nova geração chegou na Europa em Março e tem previsão de chegar ao Brasil no segundo semestre. Para o Brasil os motores permanecem sendo o 1.0 TSI e 1.6 MSI. As mudanças foram discretas, começando pela dianteira: Agora há um friso cromado na grade que liga visualmente aos novos DRLs dentro dos faróis principais. O radar frontal, antes visível por entre a grade, foi escondido atrás do emblema da VW. Na parte traseira, as lanternas são de led em todas as versões. Por dentro as mudanças são mais nitidas. A começar pelo quadro de instrumentos, todo digital. A adoção da tela TFT permite várias possibilidades de configuração, dá para visualizar informações técnicas do carro ou de entreterimento. Por padrão, essa tela de 12,3 polegadas exibe o velocimetro e o conta giros, mas pode alternar para outras funções. A nova linha estreia a direção semiautônoma. Em situações especificas, como o congestionamento de tráfego em até 60 km/h. Sem a intervenção do motorista, o carro mantem-se na faixa, acelera e freia sozinho, acompanhando o trânsito. Há também um monitor de pedestres capaz de frear o veículo se o sistema não identificar ação do condutor. Porém a disponibilidade destes recursos não está confirmada para o Brasil.
Próximos Lançamentos: A família Ford vai mudar: Fiesta – Deve chegar em setembro, mas não será a nova geração que estará chegando na Europa. Por aqui a Ford optou por reestilizar o modelo atual com retoques em grade dianteira, faróis e lanternas para ficarem parecidos a versão Europeia. EcoSport – Deve chegar entre Julho e Agosto com início de vendas entre Outubro e Novembro. Também será reestilizado. Focus 4ª geração – Lançamento no Brasil será quase simultâneo ao da Europa. As mudanças ocorrerão na nova grade, área envidraçada que ganha novo contorno, alerta involuntário de faixas e faróis full-led, entre outros. Mustang – Reestilizado, a Ford não trará a versão que foi apresentada no Salão do Automóvel de SP/2016. Previsto chegar em Outubro. Chery Tiggo 2 – Exposto no salão do automóvel de SP ano ano passado, tem previsão de chegar no Brasil em julho. Honda FIT – Será reestilizado no segundo semestre desse ano. JAC T40 – Previsto para chegar em junho. Apesar dos boatos sobre a saída do mercado nacional, a JAC afirma que continuará com sua operação, porém menor do que o previsto anteriormente.   Fontes de pesquisa: 4Rodas, Noticias Automotivas, Carrosnaweb e Auto Esporte.

O QUE VOCÊ PROCURA?

SIGA A AUTOGLASS NAS
REDES SOCIAIS:

FALE COM A AUTOGLASS:

  • 0800 025 6313 | Consumidor
  • 0800 707 5150 | Segurado – Elogio/Reclamação
  • 0800 979 3828 | Revendedor
  • 0800 701 5222 | Oficina